Global Markets Brasil -parte 1, por Ellen Lopes

 

 

direto do GSFI

 

[blockquote style=”4″]A  Global Food Safety Conference / Global Food Safety Initiative (GFSI) é um dos mais importantes eventos sobre a segurança dos alimentos, reunindo todos os anos mais  de 1.000 especialistas, provenientes de  mais de 50 países. Esses profissionais discutem uma gama extensa de questões com o objetivo de avançar no conhecimento da segurança dos alimentos em nível mundial. Em três textos, Ellen Lopes, que participou do evento aborda temas relacionados ao Programa Global Markets da GFSI.[/blockquote]

 

 

Global Markets Brasil – parte 1

Pela primeira vez uma apresentação formal do Brasil na GFSC

 

por Ellen Lopes*

Vou comentar sobre a apresentação que, com muita honra, fiz como parte do Painel sobre o Programa Global Markets da GFSI, programa este abraçado no Brasil pela APAS – Associação Paulista de Supermercados, numa iniciativa do seu Comitê de Segurança de Alimentos, a quem muito agradeço a colaboração.

Este painel foi coordenado pela Cindy Jiang, Diretora Senior de Segurança de Alimentos, do Corporativo do Mc Donald’s, Estados Unidos (Fonte: Programa da Global Food safety Conference, 2016).quadro de palestrante

O Global Markets Brazil foi o primeiro trabalho brasileiro aprovado para apresentação formal nas conferências globais da GFSI (Global Food Safety Initiative), tendo sido inscrito por Ellen Lopes (Food Design & IRSFD), Márcia Rossi (Walmart Brasil) e Paulo Pompílio (GPA, do grupo Casino). Como Márcia e Paulo não puderam ir, eu fiz a primeira parte da apresentação, e Natalie Dyenson, do Walmart dos Estados Unidos, fez a complementação, representando  a Márcia Rossi.

Antes de mostrar como foi nossa apresentação em mais detalhes, o que ficará para um próximo post, penso que é importante explicar o Programa para quem ainda não o conhece, e como o Global Markets vem se fixando como um pilar fundamental para o desenvolvimento segurança de alimentos nas cadeias de suprimento globais.

O que é o Global Markets?

O Global Markets é um programa desenvolvido pela GFSI, que visa facilitar empresas de alimentos pequenas ou menos desenvolvidas (PME), a como enfrentarem o desafio da segurança de alimentos, de forma que possam ampliar seu acesso a mercados nacionais ou internacionais. Ao enfrentar este desafio, simultaneamente serão reduzidos os riscos nas cadeias de fornecimento global de alimentos.

Princípio fundamental

Ellen na palestra

Ellen apresentando o tema Grupo Global Markets Brasil APAS. / Crédito foto: Crístian L. Roque

Este Programa parte do princípio que segurança de alimentos não é vantagem competitiva, e sim uma responsabilidade compartilhada por todos os stakeholders da cadeia.

Estratégia

A estratégia adotada pela GFSI foi estabelecer requisitos mínimos para estas empresas implementarem sistemas de segurança de alimentos, de forma paulatina, passo a passo, visando sua melhoria contínua, até estarem aptas a atingir o estágio de certificação acreditada, por uma das normas ou sistemas reconhecidos pela GFSI. O ponto de entrada fica a critério da empresa entrante, podendo ser no nível Básico, ou no Intermediário. Assim que julgar ter atingido os requisitos do nível escolhido, a empresa pode pedir a realização de uma auditoria não certificada para um prestador de serviço credenciado para este fim, ou para as certificadoras.

A figura ao lado ilustra como funciona esta implementação escalonada, sendo o tempo indicado em cada passo, apenas uma estimativa de tempo médio (Fonte: Adaptação das informações do site do GFSI).

 

Global Markets

Escopo

O Programa Global Markets foi desenvolvido até o momento para estes dois escopos:

  1. I)  Indústria: processamento de produtos primários ou fabricação de alimentos processados
  2. II) Produção primária: agricultura de plantas, grãos e leguminosas.

O Global Markets Brazil, abraçado pela APAS, cobre por ora o escopo Indústria.

Versão em português

Esses requisitos estão na segunda versão, e estão disponíveis no site da GFSI, em inglês e japonês. O Global Markets Brazil está construindo um site, onde a tradução em português, gentilmente cedida pela IFS, estará disponível para os interessados, mediante cadastramento. Quem tiver interesse em ser avisado sobre o lançamento do site, por favor escreva para ellen.lopes@irsfd.org.br

As normas/esquemas reconhecidos pela GFSI

No caso da indústria, no Brasil, a maior demanda se concentra atualmente nas normas IFS, FSSC 22000.  Se você quiser conhecer todos as normas ou esquemas reconhecidos, acesse o site da GFSI.

[button link=”” icon=”Select a Icon” side=”left” target=”” color=”b70900″ textcolor=”ffffff”]

Quais as vantagens? Como tem sido a aceitação? – Leia a Parte 2.[/button]

 

[blockquote style=”1″]Deixe seu comentário, ele é muito bem vindo:

O que você acha do Programa Global Markets? Sua empresa já conhecia? Que vantagens você acha que o Programa traz para as empresas e para o Brasil?[/blockquote]

…………………………………………………………………

*Ellen Lopes, Food Design & IRSFD.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *